Invasão no Whatsapp

Muita gente ficou alarmada com uma recente reportagem do Fantástico, mostrando um golpe realizado por Whatsapp. Os bandidos conseguiam deixar o celular da vítima fora do ar, enquanto assumiam o Whatsapp dela em outro aparelho. Os criminosos, então, procuravam parentes na lista de contatos e pediam dinheiro, sendo prontamente atendidos, já que os pais, por exemplo, pensavam teclar com seus próprios filhos. A quadrilha foi desmantelada e o Whatsapp vai passar por uma atualização que inibirá esse tipo de problema, mas vale sempre o alerta: se perceber qualquer mensagem estranha de algum conhecido, ligue e confirme se está teclando com a mesma pessoa. Todo o cuidado é pouco.

Atenção nas ruas

Por falar em celular, é preciso cautela no uso dos fones de ouvido. Alguns pedestres e ciclistas quase provocam acidentes ao andarem ouvindo música, sem prestarem atenção por onde passam. Quando recebem o alerta de algum motorista, por meio da buzina, não escutam. Às vezes, uma desatenção como essa pode colocar não só à vida do ouvinte em risco, mas a de outras pessoas também.

 

 

A segunda temporada de Stranger Things (uma das séries da Netflix de maior sucesso atualmente) já foi confirmada para estrear em outubro, e as imagens divulgadas, dos meninos caracterizados de Caça-Fantasmas, já geraram novas expectativas de referências aos anos 1980

 

 

 

E Guarapari?

Depois da crise de segurança ocorrida no começo do ano, Guarapari parece respirar um pouco mais aliviada, mas sentiu o peso do problema. Em fevereiro, logo no Carnaval, justamente a época em que a cidade mais recebe turistas e os lojistas fazem o seu caixa para o resto do ano, Guarapari viu uma queda sem precedentes nos alugueis e nas visitações nos fins de semana. Mesmo com a volta dos policiais às ruas, muita gente desmarcou reservas e deixou de curtir a orla capixaba. Alguns comerciantes nem se deram ao trabalho de calcular o prejuízo, temendo receber mais uma notícia ruim nesse ano que já começou estranho naquela cidade.

O ano, enfim, começou

Março chegou e, para grande parte dos brasileiros, o ano, de fato, se inicia agora. A esperança é a de que o mesmo aconteça com os novos governos municipais, para afastar de vez a sombra de 2016, que tanto prejudicou o país.

 

 

 

Esta é a capa da nova edição da biografia de Clarice Lispector, feita pelo americano Benjamin Moser. Foi por meio dela que Clarice despontou no exterior no ano passado, chegando a ter seus contos no topo dos livros mais vendidos nos EUA, décadas depois de sua morte. Uma prova do valor da literatura brasileira produzida no século XX. Viva ela!