Em todo o mundo, 41 milhões de crianças com menos de cinco anos estão acima do peso ou são obesas, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS). Além disso, mais de 80% dos adolescentes não cumprem a recomendação de 60 minutos de atividade física diária, pelo menos cinco vezes na semana. Essas questões são cada vez mais discutidas e também relacionadas ao atual comportamento dos pequenos: muitas horas em frente a eletrônicos e poucos (ou nenhum) momentos dedicados a exercícios físicos.
Há uma ou duas gerações, a atividade física deixou de ser parte integrante do cotidiano. Alguns fatores, como a segurança das crianças e a facilidade e comodidade de oferecer a elas distração por meios eletrônicos, fazem com que seja ainda mais difícil tirá-las de casa ou fazer com que se interessem por atividades que não envolvam tecnologia.
As férias é o momento propício para repensar sobre como mudar o cenário e melhorar a qualidade de vida das crianças. Atualmente, uma criança brasileira passa mais de cinco horas por dia na frente de uma tela (televisão, celular, tablets, entre outros), desconsiderando tempo de escola. Além disso, de acordo com uma pesquisa realizada para o Projeto Desenhado para o Movimento, a atividade física dos brasileiros terá uma redução de mais de 34% até 2030, e mais da metade deles será considerada inativa.
As atividades indicadas para as férias são aquelas que trazem prazer para a criança. Empinar pipa, jogar bola, brincar com o cachorro ou jogar queimada... Existem vários locais que oferecem atividades lúdicas adaptadas por faixa etária, variando os tipos de brincadeiras e proporcionando estímulos de vários grupos musculares.
Os pais e responsáveis têm papel fundamental no incentivo e educação com relação à prática de exercícios físicos dos filhos. E a escola também tem a responsabilidade de educar e mostrar a importância do movimento e alimentação, bem como criar condições para que as atividades sejam colocadas em prática, com aulas de educação física e outras tarefas fora do currículo.

Texto produzido em: 13/01/2017