Dra. Vanda Terezinha de Vasconcelos, presidente da Sociedade Fluminense de Medicina e Cirurgia (SFMC), sempre foi uma admiradora do Mania de Saúde. Nesta edição de homenagem ao jornal e a Sylvio Muniz, seu fundador, ela não deixou de dar o seu depoimento sobre o jornal que, segundo ela, é de suma importância não só para Campos, mas para toda a região. 
“Conheci o Sylvio mais pelo lado profissional e sempre admirei o Mania de Saúde e a conduta que o ele sempre teve com relação ao seu trabalho. Estamos torcendo para que tudo aquilo que ele idealizou com o jornal siga em frente, sempre primando pela qualidade, que é a marca do veículo. Uma coisa que me impressiona no Mania de Saúde é o alcance que ele tem, desde o Noroeste Fluminense, passando pela região Norte, até a Região dos Lagos. Além disso, é importante destacar a variedade de assuntos abordados, que nunca deixam de lado a realidade local. É interessante observar isso, porque nas páginas do jornal não vemos matérias restritas aos temas científicos, mas sim assuntos de interesse geral, e, reitero aqui, sempre respeitando as especificidades da nossa região. Porque a gente pode pegar grandes publicações como o Globo, o extinto Jornal do Brasil (que eu fui assinante por muitos anos), que trazem reportagens de âmbito nacional, mas não contemplam a necessidade de informação local que o interior tem. Isso eu sempre notei no Mania de Saúde. Gosto muito das colunas de Fernando da Silveira, Dra. Arlete Sendra, das matérias de saúde, das áreas médica, odontológica, fisioterápica. Isso dá uma abrangência enorme. Destaco ainda a circulação. Você encontra o jornal em consultórios médicos, prédios, estabelecimentos comerciais e permite o acesso a vários tipos de pessoas. Aqui mesmo, o jornal se esgota em pouco tempo, porque todo mundo leva para casa. Então, se após 25 anos de um jornal, as pessoas continuam demonstrando o mesmo interesse e isso tem até crescido, é um indicativo de que o veículo está no caminho certo. E falo isso com propriedade, porque sou leitora desde o começo”.

Texto produzido em: 20/05/2016