O judô, definitivamente, caiu no gosto popular. O Noroeste Fluminense sabe muito bem disso. Depois do sucesso da ADH Judô Clube em São José de Ubá-RJ, pelas mãos do Sensei Marcos Vinícius Alves Ribeiro, que tem difundido bastante a modalidade pela região, como já mostrou o Mania de Saúde, Itaperuna também seguiu os passos da agremiação e agora conta com dois senseis da ADH dando aulas no município: Marcelo Nunes, no Bairro Matadouro, e Leonardo de Andrade Oliveira, no Bairro Niterói.
Com isso, mais jovens, adultos e até crianças estão tendo contato com o judô, e o melhor, de forma profissionalizada, já que a ADH é Federada pela Federação de Judô do Estado do Rio de Janeiro - FJERJ e pela Confederação Brasileira de Judô - CBJ, tendo como responsável pela agremiação 7 Dan Shihan Oswaldo Cupertino Simões Filho. Isso garante aos alunos não só um aprendizado de alto nível, como também oferece a eles a oportunidade de adentrar mais profundamente na filosofia do judô, além de assistir ou mesmo participar de competições de peso nacional, aumentando a chances de Itaperuna e região se tornar um celeiro de atletas.
Mas por que o judô tem atraído tanta gente? Para abordar a questão, ouvimos o Sensei Leonardo, que destaca o lado educativo do esporte. “A ideia da nossa agremiação não é só criar atletas para competir. É, antes de tudo, formar mais faixas pretas para disseminar o esporte e educar os alunos, porque o judô é um meio de aprendizado que vai além do tatame. Ele é uma excelente ferramenta para trabalhar valores como gentileza, coragem, sinceridade, honra, modéstia, respeito, autocontrole e amizade, que tanto fazem falta no mundo de hoje. Eu, Sensei Leonardo, farei sempre a minha parte, e espero, na minha velhice, ouvir de meus alunos que de alguma coisa valeu a pena treinar judô comigo”, revelou.
Para conhecer o trabalho da agremiação em Ubá e em Itaperuna, entre no site da ADH, no endereço www.adhjudoclube.com.br. Lá, é possível conferir endereços, horários, saber um pouco mais da história de cada Sensei, além da própria agremiação, que mais uma vez prova o valor do esporte ao divulgar o judô de forma tão ampla, o que trará diversos benefícios aos jovens.

Texto produzido em: 20/02/2017