Quem acompanha as matérias do Mania de Saúde sobre a Lavie Belle Noivas já percebeu a paixão com a qual Yasmin Liang fala sobre o assunto. A empresária não para. Tanto que acabou de voltar de São Paulo, hábito que repete pelo menos duas vezes ao mês, onde visitou um dos mais importantes ateliês de renda e pedrarias. É essa determinação que faz com que já tenham passado 110 noivas pelas suas mãos em menos de dois anos. Nos primeiros meses de 2017, por exemplo, a loja observou um crescimento de 67% com relação ao mesmo período do ano passado.
Nossa reportagem conversou com Yasmin para ouvir um pouco de como surgiu essa paixão pelo universo das noivas. Ela conta que cresceu em meio a rendas e bordados. “Eu venho de uma família de estilistas, que possui lojas de noivas em Angra dos Reis, Volta Redonda e Barra Mansa há trinta anos. Costumo dizer que não escolhi. Fui escolhida. Para mim, sempre foi muito fácil lidar com essa área, não foi algo que me exigiu um grande esforço, porque cresci nesse meio. Eu olho o vestido e sei o tipo de renda, de bordado. Quando eu tinha 16 anos, fiz o meu vestido de formatura do ensino médio, ainda em Volta Redonda. Desenhei o modelo e montei junto com a costureira. Depois disso, fiz mais uns quatro vestidos para amigas e clientes que iam à loja da família e me viam mexendo com isso. Mas, a princípio, não segui por essa área. Mudei para Campos para cursar Engenharia de Produção (já estou no nono período), mas, quando cheguei na cidade, me deu saudade desse universo de noivas. Como no curso que eu faço a gente estuda muito a questão do empreendedorismo, decidi começar o meu próprio negócio a partir de um ramo que eu já tinha domínio”, explicou.
O começo de um empreendimento numa cidade nova não foi fácil no começo, segundo Yasmin. “Foi difícil montar a loja, porque eu não conhecia profissionais, foi preciso fazer uma reforma no ponto, além das dificuldades naturais de montar o seu próprio negócio. Ao mesmo tempo, Campos é uma cidade onde as pessoas se conhecem muito e eu ainda era uma desconhecida. Mas optei por focar no trabalho, fazendo o boca a boca, e o Mania de Saúde também foi fundamental nesse início para tornar a loja conhecida. Vim com uma proposta diferente, sabendo que a região tem muitos bons profissionais, mas a nossa ideia era ter um diferencial: trazer uma marca internacional para a região, com um padrão que o cliente encontra em Rio, São Paulo e em outros grandes centros. A repercussão foi imensa, tanto que já tivemos clientes de Campinas, Rio, e outras cidades do país”. 
Yasmin ainda conta como a loja foi crescendo ao longo desses quase dois anos. “As noivas queriam fechar tudo no mesmo lugar, então, começamos a desenvolver a parte de damas de honra e, assim que ela cresceu, passei essa área para a minha tia, porque a parte de noivas também cresceu muito e eu me dedico bastante, gosto de acompanhar todos os momentos da noiva, desde o primeiro atendimento até as provas, e eu mesma faço as amostras de bordados etc. E, agora, trabalhamos também com a parte masculina. Noivos, padrinhos, pajens. Trouxemos uma marca de ternos com a mesma qualidade que já tínhamos nos vestidos. Isso facilita muito a vida dos noivos”, finaliza a empresária. 

Texto produzido em: 18/04/2017