“Ajude a Valentina a vencer este desafio”. A campanha nas redes sociais e nas ruas de Campos é para uma menina com paralisia cerebral perto de completar 5 anos ter melhores condições de vida. Familiares e amigos estão empenhados em conseguir doações para uma cirurgia no quadril, uma cadeira de rodas especial, um elevador residencial, entre outras necessidades. Para levantar um montante suficiente que permita realizar tais projetos, uma rifa está sendo comercializada em vários pontos da cidade.
“A rifa é de uma camisa do Flamengo que um amigo vascaíno comprou e levou para que os jogadores do Flamengo autografassem. Isso só comprova que a solidariedade está acima de qualquer coisa. O nosso time aqui é Valentina. Antes do prêmio está a vida de uma menina de 5 anos e que cativa a todos com seu jeito”, comenta o pai Rodrigo, informando que o sorteio do prêmio será no dia 12 de outubro.
Há cinco anos, quando Valentina nasceu e os pais só tiveram o diagnóstico da paralisia cerebral depois de um mês, o mundo poderia desmoronar para muitos, mas não para Rodrigo e Juliana. Sempre unidos, eles se desdobraram para cuidar da primeira e única filha. “Enquanto muitos buscam explicações e questionam até mesmo o nosso Deus, nós sempre optamos pelo amor. E valeu a pena”, afirma Juliana, que deixou o emprego para se dedicar exclusivamente à filha.
A vida da família é em função de Valentina e do seu bem-estar. Os sonhos dos pais são de proporcionarem melhores condições para a menina crescer e seguir evoluindo com os tratamentos. “Além da paralisia cerebral, descobrimos no sexto mês de vida que a Valentina tinha uma luxação congênita do quadril. Ela ficou com gesso por quatro meses quando era bebê e passou por uma cirurgia, mas precisa ser submetida a um novo procedimento. Então a prioridade da campanha é arrecadar dinheiro para essa cirurgia”, conta Rodrigo, estimando o valor da cirurgia em quase R$ 10 mil.
A história de Valentina tem despertado atenção em vários lugares e de alguns jogadores. Em Curitiba, por exemplo, uma torcida organizada do Flamengo realizou um evento e reverteu o lucro para ajudar na campanha. O zagueiro Gil, revelado pelo Americano e campeão brasileiro pelo Corinthians, fez um vídeo em suas redes sociais pedindo ajuda para a causa de Valentina. A família também recebe doações através de conta poupança da Caixa Econômica, agência 1927, conta 00000263-6, operação 13, CPF 175.127.977-45. Mais informações podem ser encontradas na página oficial “Ajude Valentina”, no Facebook.

Texto produzido em: 10/08/2018