Escolher um meio para divulgar um serviço não é uma tarefa complicada. A dificuldade, para muitas pessoas, é ir de encontro ao seu verdadeiro público. Ainda mais num tempo em que tantos estão conectados e dispersos na fragmentação do mundo virtual. Por isso que muitos profissionais elegem o Mania de Saúde como parceiro na divulgação de seu trabalho, tendo em vista o alcance e o público já consolidado pelo jornal ao longo desses 27 anos.
O Colégio Centro de Estudos – Sistema PH de Ensino, por exemplo, é parceiro do jornal há alguns anos e passou a ser ainda mais conhecido pela sociedade campista por meio do Mania de Saúde, como afirma o diretor Douglas Fonseca. “Nós conhecemos o jornal da mesma forma que a grande maioria da população conhece: nas salas de espera de médicos, dentistas, advogados, entre outros ambientes onde sempre há edições do Mania de Saúde, que atraem muitos leitores por trazer notícias e reportagens da nossa região. Hoje, particularmente, a primeira coisa que faço quando estou nesses locais é pegar o Mania de Saúde para ler. Inclusive, tenho amigos que fazem parte da história do jornal, a exemplo do Carlos Henrique, que falava de informática, do Edmundo Machado, que aborda o mundo da música, entre outros. Então, quando vimos a qualidade do produto que era ofertado de forma gratuita, e a parcela da população que tinha acesso e gostava desse tipo de leitura, nós percebemos que ali estava o nosso público. A gente viu uma familiaridade muito grande entre o público do Mania de Saúde e o público do Colégio Centro de Estudos. Com isso, nós achamos, por bem, iniciarmos essa parceria e a gente tem uma resposta extremamente positiva, porque muita gente nos diz que teve contato com o Colégio através do Mania de Saúde. A nossa percepção é a de que as expectativas foram plenamente atendidas. Afinal, nosso objetivo, quando instalamos o Colégio, era que ele ficasse conhecido na cidade, pois Campos já possuía outras instituições de grande porte instaladas e sedimentadas no mercado. O Mania de Saúde, portanto, nos ajudou a fazer parte do rol desses colégios que atendem a sociedade de maneira geral”, conta Douglas.
O diretor faz, inclusive, uma importante distinção sobre o tipo de marketing realizado pela escola. “Existe aquela propaganda rotineira, que você faz no momento de captação de matrícula, mas eu acredito muito mais no marketing institucional, que é realizado ao longo de todo o ano. Com isso, você é fiel a um meio de comunicação o ano inteiro, podendo fazer uma divulgação bem mais ampla do seu trabalho. O Colégio Centro de Estudos e o Mania de Saúde são parceiros não apenas no momento da matrícula, mas o ano todo. Isso, para mim, faz toda a diferença, pois acredito muito no marketing institucional como forma de divulgar, à sociedade, como o colégio trabalha durante todo o ano, o que é fundamental para as famílias”, destacou.
Aliás, um dos elementos prezados pelo Mania de Saúde, desde o seu início, é a credibilidade dos parceiros, algo que o Colégio Centro de Estudos exemplifica muito bem. “Recentemente, tivemos um aluno que passou em medicina em primeiro lugar na Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), o que é um grande diferencial. Claro que todo mérito é do aluno, não há dúvida. Mas a base é feita na escola. E isso é motivo de comemoração para a família, porque um curso de medicina, hoje, tem um custo muito alto. Quantas delas podem pagar a mensalidade em uma instituição privada? Vitórias como a desse aluno e a de tantos outros elevam o nome da escola, sendo que o grande público, muitas vezes, só fica sabendo dessas conquistas pelo jornal. Por isso estamos muito felizes com os resultados do Colégio Centro de Estudos e com essa parceria, pois a gente fez do Mania de Saúde a nossa casa”. 

Texto produzido em: 22/05/2018